12/10/2017 | 17h07m

Buenos Aires

Mascherano quer título da Copa do Mundo antes de deixar seleção

O veterano volante Javier Mascherano revelou, nesta quinta-feira, que pensa em deixar a seleção da Argentina após a Copa do Mundo de 2018, mas sonha em fazê-lo com a taça de campeão nas mãos.

"Sampaoli vai decidir se tenho ou não que estar no Mundial. Mas meu ciclo na seleção termina na Rússia-2018. Não existe além disso", disse o meia de 33 anos em declarações ao canal TyC Sports.

Mascherano disse que "voltar a estar em uma final de Copa do Mundo é uma das poucas coisas que pode tirar meu sono. Mais do que dívida, tenho o sonho de voltar a repetir a campanha do Mundial de 2014".

A Argentina chegou à final, mas perdeu para a Alemanha por 1 a 0.

Mascherano participou do jogo que definiu a classificação para a Rússia, na última rodada das eliminatórias sul-americanas.

"Eu estou para somar, desde que eu seja chamado. Jamais vou criar um problema. No dia em que precisar, vou sair e acabou", afirmou o meia, que ganhou duas medalhas de ouro com a Argentina, nas Olimpíadas de Atenas-2004 e Pequim-2008.

Perguntado sobre como é jogar com Lionel Messi, autor dos três gols decisivos no jogo em Quito, Mascherano disse que "é diferente do resto, tanto que no Equador as pessoas foram ao aquecimento para vê-lo".

"Messi não é da Argentina, é patrimônio do futebol. É como os grandes artistas. As pessoas pagam para vê-lo", refletiu.

Sobre o futuro no FC Barcelona, o volante disse que ainda tem contrato. "Está claro que depois que terminar a temporada vou ver o que fazer. Mas da parte do clube, disseram que estão contentes comigo", disse Mascherano.

* AFP